Wattpad

CONHEÇA: Entre a Cruz e a Espada no Wattpad

Imaginem uma baixa fantasia que se passa na França e aborda a temática LGBT, feminismo, racismo, faculdade, moda, amizade, e ainda a história de Joana D’arc? Parece uma história do sonho? É, mas ela existe e se chama “Entre a Cruz e a Espada”.

Sinopse: Jeanne Chevalier é uma jovem francesa que está prestes a iniciar seus estudos na faculdade e, por conta disso, está se mudando para Paris; a cidade em que sempre sonhou em morar. Secretamente, sua decisão foi influenciada por uma voz em sua cabeça que a instruía desde criança, fazendo-a crer que tinha algo especial para ela na Cidade Luz. Mesmo contra seus sentimentos, a garota guarda uma pequena esperança de que a nova cidade lhe trará a oportunidade de reencontrar sua mãe, que desapareceu após um infeliz incidente. Porém, ao receber um presente inesperado pouco antes da mudança, estranhos fenômenos começam a acontecer em sua vida, forçando-a a encarar assuntos do passado que ela tanto tentou esquecer. E, em meio à questões religiosas e históricas, Jeanne se vê obrigada a aceitar um papel de grande importância para toda a França.

A trama se desenvolve em três enredos (sendo eles: o familiar, o acadêmico e o sobrenatural) que se cruzam e se complementam ao longo da história. Além de utilizar um pano de fundo histórico, o livro também aborda temas como feminismo, questões LGBT e raciais. 

Depois dessa sinopse arrasadora sobra pouco para dizer sem ser spoiler, né?

Mas tentando me conter, a obra da Marina é muito bem escrita com descrições e diálogos na medida certa e todos muito reais. Eu me sinto como se estivesse dentro da própria história, ao lado da protagonista. E que protagonista! Jeanne é negra, bissexual, feminista, com um lindo cabelo azul e cacheado (meu sonho) e uma personalidade muito forte! Tudo bem que a menina é atormentada por algumas vozes estranhas de vez em quando, mas ninguém pode ser perfeito.

Fonte: da autora

As outras personagens também não deixam nada a desejar. A maioria delas também representando a comunidade LGBT. Mas elas não estão lá para cumprir cota. Os personagens representam minorias sim, tem até uma japonesa, mas não é esse o aspecto principal sobre eles. Antes de serem lésbicas, travestis, bissexuais ou japonesas, elas são humanas. A orientação sexual ou a origem de cada um não é seu traço marcante na história, e sim apenas mais uma característica que faz parte de quem o personagem é, da sua própria personalidade. Personalidade essa que a autora trabalha muito bem em cada um.

A Jeanne é que tem esse aspecto mais nítido. A ausência da mãe, a criação em uma grande e amorosa família, o seu amor pela moda e pela fotografia, tudo isso influência na personagem, assim como a criação isolada de Misato no Japão em uma espécie de clima budista interfere em como ela age, fala e no que acredita.

“Foi em tempo de ver seus irmãos acenando e seu pai lhe fazendo o sinal da cruz; Jeanne imaginou que ele estaria dando a benção a ela e sua viagem. E então, o trem partiu. Partiu em direção à Paris. Em direção ao seu futuro e seus sonhos. Em direção à aventuras que ela jamais imaginaria.” (Entre a Cruz e a Espada – Marija Feijóo)

Além de tudo isso, a história aborda ainda a questão religiosa. Ao partir para a França, Jeanne recebe um rosário das mãos de seu pai. Um rosário que foi da sua mãe e que ela lhe deixou para ser entregue quando saísse de casa. Esse objeto esconde alguns segredos (que não vou contar) e será muito importante na jornada e na proteção de Jeanne. Afinal é fantasia, vocês lembram? Então há muitos perigos sobrenaturais.

E como eu não estou me segurando e acho que é o ponto mais forte de todo o enredo, vou contar um pequeno spoiler que é o que faz a história ser ainda mais perfeita e a Marina ser genial: Jeanne é o nome em francês para Joana, e a menina dos cabelos azuis e pele negra seria nada mais nada menos que a própria Joana D’arc renascida. Toda a vida dela é uma “reprise” da vida da santa. E aos poucos Jeanne vai descobrindo isso e aceitando sua missão de salvar a França.

Fonte: da autora

Entre a Cruz e a Espada ainda está em andamento, com 12 capítulos postados, mas bastante acontecimentos. Inclusive esse é um dos únicos pontos negativos da obra: o tamanho dos capítulos. Eles são longos e para ler no Wattpad se tornam bastante cansativos. Mas dar uma pausa na metade de cada capítulo já soluciona o problema. E além disso, muitas vezes estamos tão compenetrados nas aventuras de Jeanne que nem percebemos o tempo e o capítulo passando.

LINKS

Leia Entre a Cruz e a Espada no Wattpad

Siga Marina Feijóo no Wattpad 

Curta A Hyposa no Facebook 

Postagem Anterior

CONHEÇA: Contornos no Wattpad

Post Seguinte

CONHEÇA: Um Cãoto no Wattpad

O Autor

Stefani P. Paludo

Stefani P. Paludo

Stéfani é uma jovem escritora gaúcha que além de tudo é leitora, estudante de arquitetura e apaixonada por todas as artes em geral. Descobriu desde pequena o amor pelos livros e desde o início da adolescência o amor pela escrita. Possui algumas histórias postadas em plataformas onlines como Wattpad, e pretende prosseguir escrevendo sempre mais, não só como um hobby, mas como uma maneira de aliviar-se, descarregando pensamentos e reinventando a realidade.

Sem Comentários

Deixe sua pergunta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *