Wattpad

Resenha: Cinza azul (Anita Saltiel)

Escrever é despir-se, colocar tudo de si em um papel e transparecer esses sentimentos. Raros são os autores que conseguem retirar todas as suas angústias e mais profundos sentimentos e transformar a dor em arte. Porém, a escritora Anita Saltiel conseguiu, em seu conto Cinza azul, retirar seus mais profundos sentimentos e transcrevê-los de forma pura e poética.

Cinza azul não é um conto comum. É um ensaio sobre a depressão. A depressão de Anita Saltiel, a jovem autora, que teve a coragem de escrever, não só sobre essa doença que, diariamente, vive assombrando pessoas ao redor do mundo, mas sobre os próprios apavoros e pesadelos.

Cada linha dessa história mostra com clareza o que, muitas vezes, seja pela falta de tempo ou interesse, ignoramos. Entretanto, ao iniciarmos esse conto, quase que não conseguimos parar com a leitura. Digo quase, pois, em determinados momentos, tive que dar uma pausa para respirar e repensar em minhas próprias atitudes. Cinza azul não nos leva somente até a mente da escritora, mas, também, faz com que o leitor vasculhe seus próprios sentimentos e se identifique com as dores ali descritas.

No começo ninguém acreditou. Nem eu. Afinal, quem quer acreditar que aos poucos está desistindo de viver?”

A narrativa do conto é um mérito da autora. Durante todo o texto nos sentimentos em uma difícil, mas necessária conversa. Por diversas vezes me vi respondendo as perguntas feitas pela autora e, acredito eu, muitos outros leitores também deram suas respostas.

Sabe quando vem aquele soluço do fundo da garganta que desencadeia uma torrente de lágrimas e você não tem o que fazer para fechar a torneira?”

Anita fala sobre a depressão de maneira intima e cristalina. Sua coragem para abrir dessa maneira foi digna de reconhecimento. Imagine você, quantas vezes contou para um desconhecido sobre seus mais obscuros momentos da vida? A autora soube fazer isso com maestria, guiando o leitor por seus pesadelos e, ao fim, apresentando-lhe a luz, também.

Pensei que o mundo seria melhor sem mim, passei por momentos taciturnos e sombrios, mas me dei conta de que, se eu não estiver aqui, quem vai contar minhas histórias? E quem vai pintar meus quadros e rabiscar meus desenhos? Sobretudo, quem vai tomar o meu lugar? Mesmo que caótica, continuo sendo única. E isso é triste e lindo de formas iguais.”

Cinza azul é um relato sobre a vida e sobrevivência. Uma história real, inspiradora e, sem dúvidas, única.

Conheça a históriaWattpadd

Postagem Anterior

Conheça: A Liberdade que Limita no Wattpad

Post Seguinte

Conheça: Edelmann no Wattpad

O Autor

Felipe Saraiça

Felipe Saraiça

Carioca, morador da zona oeste do Rio de janeiro, estudante jornalismo e autor dos livros "Palavras de rua" e "Para onde vão os suicidas?"

Sem Comentários

Deixe sua pergunta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *